Buscar
  • Barbara Leite Liberato

Mãe, Mulher e Líder

Mulheres nasceram para liderar. Mães, todas elas, são líderes - elas gerenciam vidas, lideram pessoas, simples assim. Por isso, nesse mês de março vamos contar histórias de mulheres incríveis que com resiliência, criatividade e muito amor equilibram todos os dias o papel de serem mães, mulheres e líderes. Vem com o cheirodemae.com.br se transformar com relatos de pessoas que são gente como a gente.


Essa semana o Cheiro de Mãe convidou a Loretta Campos para compartilhar conosco esse tema: "Ser mãe, mulher e líder". Ela de forma generosa escreveu esse texto capaz de inspirar e emocionar cada uma de nós.


Sou Loretta Campos, mulher, mãe, médica, pediatra e oncologista, Consultora Internacional de Amamentação e do Sono, Educadora Parental. Mãe da Ana Luísa (12 anos) e do Lorenzo (9 anos). Sou mineira, mas moro em Goiânia - GO. Vivo como muitas mulheres e com o desafio de conciliar a vida profissional com a maternidade. Redes sociais: Instagram @dralorettapediatra - Facebook Dra Loretta Oliveira oncologista e pediatra.



Sempre desejei muito esses dois papéis em minha vida - a de mãe e a de médica. No entanto, o ser mãe, com certeza, é o meu melhor papel e realização! Sou filha de médico, que sempre me inspirou, e desde que tinha 5 anos de idade, decidi que seguiria a mesma profissão do meu pai e que seria pediatra.

Sou formada pela Universidade Federal de Uberlândia, fiz residência em pediatria na Universidade de São Paulo, sendo atualmente membro da Sociedade Goiana e Brasileira de Pediatria. Realizei subespecialidade em Oncologia Pediátrica pela Universidade Federal de São Paulo, tendo exercido o sacerdócio da oncologia por 12 anos no Hospital Araújo Jorge onde fui coordenadora dos tumores cerebrais da infância e onde, com certeza, aprendi a importância do vivenciar o hoje em toda a dinâmica de qualquer relacionamento, principalmente no âmbito familiar.

Dra. Loretta Campos com a filha Ana Luísa



Há 5 anos, angustiada com as perdas na oncologia pediátrica decidi mudar toda a minha vida profissional aos 40 anos. Essa frase ... “ A vida muda na proporção da sua coragem” me fez enxergar que a mudança só dependia de mim mesma. Com o retorno ao consultório, me apaixonei pela pediatria com um olhar mais humanizado, sendo atualmente consultora internacional do aleitamento materno, consultora do sono e Educadora Parental pela Discipline Positive Association.

Tento buscar um olhar mais amplo de toda a dinâmica familiar visando acolher e orientar famílias que enfrentam o grande desafio que é exercer a parentalidade. Atualmente realizei o sonho de uma clínica pediátrica , o Espaço Zune, em Goiânia, onde tenho o ideal de uma equipe multidisciplinar para acolher a família como um todo.

Ser pediatra é receber amor sem nada em troca, é ter a sinceridade sem ofensas, é entender que a criança é um ser humano como eu e você, com necessidades, desejos e anseios.

Dra. Loretta Campos com o fiho Lorenzo


Ser mãe é se permitir evoluir, é se autoconhecer, é a procura sem fim em oferecer ao outro o nosso melhor!!! Que sorte a minha... nesses dois papéis, mãe e pediatra, me encontro em uma só palavra, chamada realização! E aqui quero deixar o meu abraço, para todas vocês, que vivem no nosso ser mulher, no mundo de hoje, esse desafio diário que é nos realizarmos em nossos diferentes papéis. E que para estarmos felizes, nunca, nunca devemos nos esquecer, que para amar o outro ou algo que você faça, é necessário primeiro amar a nós mesmos!!! Um beijo e um abraço apertado!❤️



"Se você trabalha, você está perdendo a infância de seu filho. Se você fica em casa, você está jogando a sua carreira no lixo e não será exemplo de mulher independente (...) Que ironia, justo nós, mães, os seres mais altruístas do planeta, criarmos uma guerra estúpida, onde somos as maiores vítimas dos nossos preconceitos".

Rafaela Carvalho

60 dias de Neblina, 2018

28 visualizações

Posts recentes

Ver tudo